terça-feira, 6 de setembro de 2011

Posted by Profetiza Sobre as Nações | File under :
“E vendiam suas propriedades e fazendas e repartiam com todos, segundo suas necessidades” (At 2.45)

Quando vemos a história da igreja primitiva temos um padrão de igreja que conserva os valores espirituais e sociais e que um verdadeiro cristão deve ter dentro de uma instituição (igreja) atuante e sempre que vejo alguns sermões acerca da igreja primitiva e dos primórdios sempre ouço relatarem que deve ser um padrão a ser seguido! Concordo, mas como um estudante curioso que sou me pergunto: se a igreja primitiva deve ser um exemplo para a igreja atual, então por que não são repartidas aos pobres as nossas riquezas? Conforme a igreja primitiva assim o vazia.

A bíblia diz: a fé sem obras é morta (Tg 2.17) e uma das grandes preocupações do ministério terreno de Jesus era os pobres e necessitados e Ele ensinou assim ( Lc 14.12,14 ) e por causa disso seremos recompensados e a igreja primitiva vez um excelente trabalho social ( At 2.42; 4.32 ), erradicando a necessidade de entre seus membros ( At 4.34,35), as obras são evidências de uma fé viva em Deus.

Mas a preocupação capitalista da nossa sociedade tem nos levado a um desnível social iníquo e perverso, apesar da década globalizada do mundo em que vivemos e isso não pode ficar a quem da igreja de Cristo. De um lado estão os pobres e marginalizados; de outro, os ricos e poderosos na igreja de cristo não existe essa distinção todos são necessitados de salvação. No entanto os que desprezam os preceitos bíblicos buscam lucrar com a miséria de seus semelhantes, Deus abomina a injustiça social.

Como cristãos temos que pregar a Palavra como Jesus nos comissionou, mas não podemos nos esquecer das causas sociais e dos que necessitam de ajuda, temos grandes flagelos na nossa nação a fome e a miséria tem se alastrado e como luz, temos que exercer nossa tarefa de verdadeiro cristão. Deus te abençoe.

0 comentários: